Pessoas migrantes podem ser vacinadas em regime de casa aberta

O Alto Comissariado para as Migrações apelou a todos os emigrantes que se encontram em Portugal, independentemente de terem a sua situação regularizada no país, a juntarem-se ao processo de vacinação, nos dias 10 e 12 de setembro. 

Nestas datas, os Centros de Vacinação estarão em regime de casa aberta para todos os migrantes, mesmo que não estejam registados no SNS e não tenham um Número Nacional de Utente. Para o efeito será criado um registo provisório no SNS.

Os interessados têm apenas de ser portadores de um documento de identificação, seja passaporte ou título de residência em Portugal, para poderem, nestes dois dias, receber a vacina contra a Covid-19, mesmo que já tenham feito o agendamento da mesma para outra data.

O avanço do processo de vacinação no país, que conta já com quase 80% da população totalmente vacinada, permitiu vacinar também a comunidade migrante em Portugal.

O horário de funcionamento, bem como o tempo de espera de cada Centro de Vacinação, pode ser consultado em https://covid19.min-saude.pt/cvc/

Subscreva a nossa newsletter e esteja
sempre a par de todas as novidades.

Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do utilizador. Através da utilização do nosso website o utilizador aceita todas os cookies de acordo com a nossa política de cookies.

Mais informações |